Weblogue colectivo do projecto Mediascópio - CECS / Universidade do Minho | RSS: ATOM 0.3 |




Envie este post



Remember me (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.com. More...



E NÃO ACONTECE NADA? As relações entre políticos e jornalistas têm conhecido episódios edificantes, nos últimos dias. *O caso de Alberto João Jardim tornou-se crónico e, aparentemente, quase todos temem dizer o que pensam sobre o comportamento do personagem. Desta vez, além dos recados para todos os lados, incluindo para o Primeiro Ministro, decidiu implicar com o jornalista do Público que cobre os assuntos madeirenses, ou seja, "albertojoaninos". Desejou que ele "fique desempregado", por alegadamente, com outros correspondentes locais, "denegrir a imagem da região". Recentemente, escreveu que "o Tolentino defecou no Público mais um prosa contra os direitos autonómicos da Madeira". Estaremos todos obrigados a dizer: "Deixem lá! É o estilo do Alberto João!?". "Quousque tandem abutere Catilina patientia nostra? (...) O tempora, o mores!". * Passou sem grandes referências um texto de Luís Filipe Menezes, no "Público" de domingo, que contém insinuações da maior gravidade contra um "jornal de 'referência'", "qual vaca sagrada da comunicação social", cujo nome não é referido, mas que todos sabem ser o "Expresso". Afirma ele que uma notícia feita por uma jornalista, na Cidade Invicta, "saiu integral do Porto, havia sofrido um primeiro ajuste editorial em Lisboa, havia sofrido um segundo após uma ameaça política de um ministro, e um terceiro após uma intervenção mais 'comercial' de um outro membro do Governo". Poderá dizer-se, também neste caso, que "é mais uma do Luís Filipe Meneses". Mas isto é assim? Dizem-se coisas deste calibre e não acontece nada? Actualização: Francisco José Viegas comenta, no JN, o caso Alberto João Jardim e as declarações que proferiu no Chão da Lagoa. Deixo a última frase: "Eu, como sou um liberal, limito-me a sorrir. Afinal de contas, trata-se de Alberto João Jardim." A pergunta é: será que ficamos, assim, esclarecidos sobre o que é ser liberal?


0 resposta(s) para “”

Responder





Quem somos

» Manuel Pinto
» Helena Sousa
» Luis Antonio Santos
» Joaquim Fidalgo
» Felisbela Lopes
» Madalena Oliveira
» Sara Moutinho
» Daniela Bertocchi
» Sergio Denicoli

» E-MAIL

Últimos posts

» "Importante, se for verdade" No número de Agost...
» Emissão planetária na beatificação de Madre Teresa...
» Sentença inédita em Espanha A “Audiência Nacion...
» Blogs: "the freest media the world has ever known"...
» TSF em quatro minutos O que se passa na TSF con...
» FEJ apela ao debate sobre protecção das fontes ...
» V Congresso Português de Sociologia A comunicaç...
» A Rádio em Espanha Segundo um estudo publicado em...
» Google News com os jornais francófonos O Google...
» O jornalismo em democracia Recupero o texto de ...

Ligações


Arquivos

» Abril 2002
» Maio 2002
» Junho 2002
» Julho 2002
» Agosto 2002
» Setembro 2002
» Outubro 2002
» Novembro 2002
» Dezembro 2002
» Janeiro 2003
» Fevereiro 2003
» Março 2003
» Abril 2003
» Maio 2003
» Junho 2003
» Julho 2003
» Agosto 2003
» Setembro 2003
» Outubro 2003
» Novembro 2003
» Dezembro 2003
» Janeiro 2004
» Fevereiro 2004
» Março 2004
» Abril 2004
» Maio 2004
» Junho 2004
» Julho 2004
» Agosto 2004
» Setembro 2004
» Outubro 2004
» Novembro 2004
» Dezembro 2004
» Janeiro 2005
» Fevereiro 2005
» Março 2005
» Abril 2005
» Maio 2005
» Junho 2005
» Julho 2005
» Agosto 2005
» Setembro 2005
» Outubro 2005
» Novembro 2005
» Dezembro 2005
» Janeiro 2006
» Fevereiro 2006
» Março 2006
» Abril 2006
» Maio 2006
» Junho 2006
» Julho 2006
» Agosto 2006
» Setembro 2006
» Outubro 2006
» Novembro 2006
» Dezembro 2006
» Janeiro 2007

Livros

TV do futebol

» Felisbela Lopes e Sara pereira (orgs) A TV do Futebol; Porto: Campo das Letras

» Televisão e cidadania. Contributos para o debate sobre o serviço público. Manuel Pinto (coord.), Helena Sousa, Joaquim Fidalgo, Helena Gonçalves, Felisbela Lopes, Helena Pires, Luis António Santos. 2ª edição, aumentada, Maio de 2005. Colecção Comunicação e Sociedade. Campo das Letras Editores.

» Weblogs - Diário de Bordo. António Granado, Elisabete Barbosa. Porto Editora. Colecção: Comunicação. Última Edição: Fevereiro de 2004.

» Em nome do leitor. As colunas do provedor do "Público". Joaquim Fidalgo. Coimbra: Ed. Minerva. 2004

» Outras publicações do CECS






Technorati Profile Powered by Blogger and Blogger Templates