Weblogue colectivo do projecto Mediascópio - CECS / Universidade do Minho | RSS: ATOM 0.3 |




Envie este post



Remember me (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.com. More...



Guerra de palavras O provedor do leitor do diário The New York Times publica hoje uma reflexão sobre a carga das palavras (como por exemplo, terrorismo, terrorista) usadas nos relatos jornalísticos. Até expressões aparentemente tão 'pacíficas' como "conflito israelo-palestiniano" ou "colonatos" podem suscitar problemas. O abuso do termo terrorista, nomeadamente no discurso dos estados pode ser tão questionável como a omissão desse conceito. Daniel Okrent define uma posição: "My own definition is simple: an act of political violence committed against purely civilian targets is terrorism; attacks on military targets are not. (...) Given the word's history as a virtual battle flag over the past several years, it would be tendentious for The Times to require constant use of it, as some of the paper's critics are insisting. But there's something uncomfortably fearful, and inevitably self-defeating, about struggling so hard to avoid it".


0 resposta(s) para “”

Responder





Quem somos

» Manuel Pinto
» Helena Sousa
» Luis Antonio Santos
» Joaquim Fidalgo
» Felisbela Lopes
» Madalena Oliveira
» Sara Moutinho
» Daniela Bertocchi
» Sergio Denicoli

» E-MAIL

Últimos posts

» "TV torna os corações frios"
» Em defesa de "Lugar ao Sul" Acabou há pouco mais ...
» Desocultar a sociedade que somos Augusto Santos S...
» Silêncio A ler: "Silencio ensurdecedor", de Paqu...
» Empresa retalia com corte de publicidade Três jor...
» Trabalhar como 'free lance' "Trabajar como 'freel...
» "Público" torna mais exigente relação com as fonte...
» Porquê a pressa? "Na sexta-feira [da semana passa...
» Prisa e Lagardère no capital de Le Monde O grupo ...
» O estereótipo do brasileiro nos media O texto "Br...

Ligações


Arquivos

» Abril 2002
» Maio 2002
» Junho 2002
» Julho 2002
» Agosto 2002
» Setembro 2002
» Outubro 2002
» Novembro 2002
» Dezembro 2002
» Janeiro 2003
» Fevereiro 2003
» Março 2003
» Abril 2003
» Maio 2003
» Junho 2003
» Julho 2003
» Agosto 2003
» Setembro 2003
» Outubro 2003
» Novembro 2003
» Dezembro 2003
» Janeiro 2004
» Fevereiro 2004
» Março 2004
» Abril 2004
» Maio 2004
» Junho 2004
» Julho 2004
» Agosto 2004
» Setembro 2004
» Outubro 2004
» Novembro 2004
» Dezembro 2004
» Janeiro 2005
» Fevereiro 2005
» Março 2005
» Abril 2005
» Maio 2005
» Junho 2005
» Julho 2005
» Agosto 2005
» Setembro 2005
» Outubro 2005
» Novembro 2005
» Dezembro 2005
» Janeiro 2006
» Fevereiro 2006
» Março 2006
» Abril 2006
» Maio 2006
» Junho 2006
» Julho 2006
» Agosto 2006
» Setembro 2006
» Outubro 2006
» Novembro 2006
» Dezembro 2006
» Janeiro 2007

Livros

TV do futebol

» Felisbela Lopes e Sara pereira (orgs) A TV do Futebol; Porto: Campo das Letras

» Televisão e cidadania. Contributos para o debate sobre o serviço público. Manuel Pinto (coord.), Helena Sousa, Joaquim Fidalgo, Helena Gonçalves, Felisbela Lopes, Helena Pires, Luis António Santos. 2ª edição, aumentada, Maio de 2005. Colecção Comunicação e Sociedade. Campo das Letras Editores.

» Weblogs - Diário de Bordo. António Granado, Elisabete Barbosa. Porto Editora. Colecção: Comunicação. Última Edição: Fevereiro de 2004.

» Em nome do leitor. As colunas do provedor do "Público". Joaquim Fidalgo. Coimbra: Ed. Minerva. 2004

» Outras publicações do CECS

Eventos

» Conferência: A Nova Entidade Reguladora no quadro das políticas de Comunicação em Portugal (2006)

» I Congresso Internacional sobre Comunicação e Lusofonia (2005)

» Jornadas ?Dez Anos de Jornalismo Digital em Portugal: Estado da Arte e Cenários Futuros? (2005)

» Todos os eventos







Subscribe with Bloglines


Technorati Profile Powered by Blogger and Blogger Templates