Weblogue colectivo do projecto Mediascópio - CECS / Universidade do Minho | RSS: ATOM 0.3 |




Envie este post



Remember me (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.com. More...



Debater o projecto de Estatuto do Jornalista (I) Os deveres profissionais (artigo 14.º) e a instituição de um regime disciplinar com sanções (artigo 21.º), previstos no projecto de Estatuto da profissão posto a consulta pública pelo Governo, constituem para o Sindicato dos Jornalistas (SJ) "questões controversas" que "merecem aprofundado debate". Para discutir estes e outros pontos do documento, o SJ convocou para a próxima terça-feira à noite, na sua sede do Porto, uma reunião aberta a todos os jornalistas do Norte do país, sejam ou não sindicalizados. Outras reuniões com a mesma finalidade estão já agendadas: em Coimbra (dia 26), Lisboa (dia 27), Évora (dia 28) e Ponta Delgada (dia 29). Na Madeira decorreu a primeira, no passado dia 17. O debate público termina no próximo dia 4 de Novembro. A actual fase de debate sucede a um período de discussão da primeira versão do anteprojecto do Governo, sobre a qual o Governo recolheu opiniões do Sindicato dos Jornalistas, da Confederação dos Meios de Comunicação Social, da Comissão da Carteira Profissional e da Alta Autoridade para a Comunicação Social. Sobre esta matéria, e à medida que o período de debate avança, não será de espantar que o tema venha a provocar alguma polémica, nomeadamente quando for debatido na Assembleia da República. Um primeiro sinal é dado já hoje pelo advogado do jornal Público Francisco Teixeira da Mota, num texto bastante crítico da iniciativa governamental, intitulado "Domesticar os jornalistas" (cf. post de Madalena Oliveira, em baixo). A questão contra a qual Teixeira da Mota se insurge é, precisamente, a da responsabilização disciplinar dos jornalistas. Debater o projecto de Estatuto do Jornalista (II) Em Espanha, como foi já referido neste blogue, decorre igualmente uma aceso debate em torno do mesmo assunto - o processo de aprovação do Estatuto do Jornalista Profissional por parte do Congresso dos Deputados. O documento de base foi apresentado pelo grupo parlamentar da Izquierda Unida e encontra-se presentemente em fase de audições públicas e colhe, em egral, praticamente a unanimidade entre as organizações sindicais e entre boa parte das forças políticas. Mas a Associação de Imprensa de Madrid e diversos dirigentes de grupos de comunicação têm-se mostrado claramente contrários não apenas ás disposições da proposta em análise, mas à própria necessidade de um estatuto. É também por esse diapasão que afina o influente diário El País, que dedica o seu editorial de hoje à matéria. Para os autores da tomada de posição, não oferece dúvidas que "o jornalismo atravessa, em Espanha, um dos momentos mais críiticos da sua história recente". Mas, escreve El País, se a doença é grave, "pior é o remédio". E explica: "Los redactores del proyecto de ley han soslayado en su inspiración los modelos liberales que mejor funcionan, especialmente el del Reino Unido, que se basa en la autorregulación de los periodistas, la responsabilidad de las empresas, la aplicación en su caso de la legislación civil, penal o laboral y la ausencia de intromisión de los poderes públicos. En lugar de todo ello, el proyecto español opta por un intervencionismo de hechuras rancias, cuyo regusto autoritario no puede más que preocupar a cualquiera que considere que el periodismo en libertad constituye la piedra de toque de la calidad de una democracia". Para acompanhar o debate em Espanha, recomendo, como sitio absolutamente essencial de consulta, o wiki do debate do Estatuto, criado pelo jornalista e blogger Juan Varela.


3 resposta(s) para “”

  1. Blogger Juan 

    Obrigado por la cita. Recojo vuestro debate estatutario y las diferencias con el que se está desarrando en Espanha.
    Parabéns
    Os jornalistas portugeses debatem seu estatuto

  2. Anonymous Anónimo 

    nice blog enjoyed it :)

    Keep up the excellent work! and i bookmarked u!

    so cant wait for ur next post! :)

    Thanks!!

  3. Blogger Hunt and Fish 

    Good post

Responder





Quem somos

» Manuel Pinto
» Helena Sousa
» Luis Antonio Santos
» Joaquim Fidalgo
» Felisbela Lopes
» Madalena Oliveira
» Sara Moutinho
» Daniela Bertocchi
» Sergio Denicoli

» E-MAIL

Últimos posts

» Reflexões sobre o Estatuto do Jornalista
» JRS por ele próprio "Quase não vejo televisão" Jo...
» Actas do 4º Congresso da SOPCOM A maior parte das...
» Riquezas limites da investigação em comunicação J...
» Uma situação curiosa A Madalena, presente no anfi...
» Os media, a cidadania e o ambiente simbólico
» Vai ser instituído prémio de investigação em Jorna...
» Moisés Martins eleito Presidente da SOPCOM Moisés...
» Luís Marques sobre as transformações no jornalismo...
» Painel com José Pacheco Pereira, Eduardo Prado Coe...

Ligações


Arquivos

» Abril 2002
» Maio 2002
» Junho 2002
» Julho 2002
» Agosto 2002
» Setembro 2002
» Outubro 2002
» Novembro 2002
» Dezembro 2002
» Janeiro 2003
» Fevereiro 2003
» Março 2003
» Abril 2003
» Maio 2003
» Junho 2003
» Julho 2003
» Agosto 2003
» Setembro 2003
» Outubro 2003
» Novembro 2003
» Dezembro 2003
» Janeiro 2004
» Fevereiro 2004
» Março 2004
» Abril 2004
» Maio 2004
» Junho 2004
» Julho 2004
» Agosto 2004
» Setembro 2004
» Outubro 2004
» Novembro 2004
» Dezembro 2004
» Janeiro 2005
» Fevereiro 2005
» Março 2005
» Abril 2005
» Maio 2005
» Junho 2005
» Julho 2005
» Agosto 2005
» Setembro 2005
» Outubro 2005
» Novembro 2005
» Dezembro 2005
» Janeiro 2006
» Fevereiro 2006
» Março 2006
» Abril 2006
» Maio 2006
» Junho 2006
» Julho 2006
» Agosto 2006
» Setembro 2006
» Outubro 2006
» Novembro 2006
» Dezembro 2006
» Janeiro 2007

Livros

TV do futebol

» Felisbela Lopes e Sara pereira (orgs) A TV do Futebol; Porto: Campo das Letras

» Televisão e cidadania. Contributos para o debate sobre o serviço público. Manuel Pinto (coord.), Helena Sousa, Joaquim Fidalgo, Helena Gonçalves, Felisbela Lopes, Helena Pires, Luis António Santos. 2ª edição, aumentada, Maio de 2005. Colecção Comunicação e Sociedade. Campo das Letras Editores.

» Weblogs - Diário de Bordo. António Granado, Elisabete Barbosa. Porto Editora. Colecção: Comunicação. Última Edição: Fevereiro de 2004.

» Em nome do leitor. As colunas do provedor do "Público". Joaquim Fidalgo. Coimbra: Ed. Minerva. 2004

» Outras publicações do CECS

Eventos

» Conferência: A Nova Entidade Reguladora no quadro das políticas de Comunicação em Portugal (2006)

» I Congresso Internacional sobre Comunicação e Lusofonia (2005)

» Jornadas ?Dez Anos de Jornalismo Digital em Portugal: Estado da Arte e Cenários Futuros? (2005)

» Todos os eventos







Subscribe with Bloglines


Technorati Profile Powered by Blogger and Blogger Templates